A Antropologia da Religião, do Carisma e dos Fantasmas

Imagem: www.pixabay.com

E eis que, depois de bastante tempo sem publicar nada aqui, hoje eu volto com um tema inusitado: fantasmas!

Se a ciência comprova ou não a existência deles, isso é outra história, o fato é que o termo está lá na Biblioteca Nacional e também na Library of Congress, pra quem quiser ver (e usar!).

Antes que alguma alma penada venha puxar o meu pé, deixe-me explicar que sim, eu acredito na existência delas. Inclusive creio piamente que há um espírito ruim tomando conta da alma do Putin neste momento, com essa guerra covarde contra a Ucrânia.

Mas este texto (curto!) não é sobre a guerra, é sobre os fantasmas. Mais especificamente sobre o livro “The Anthropology of Religion, Charisma and Ghosts: chinese lessons for adequate theory”, de Stephan Feuchtwang. O livro me trouxe algumas pérolas, como por exemplo: “[…] a supertição é uma categoria suplementar e negativa de religião […]” (página 23). Não li o livro inteiro , só alguns trechos. Porém o pouco que eu li me agradou, e ele já entrou pra minha lista de “Leituras Futuras”. Delacroix (Ferdinand Victor Eugène Delacroix), pintor francês, uma vez disse que se ele vivesse 200 anos, ainda assim ele não conseguiria pintar tudo o que ele queria… eu tenho uma sensação parecida, sei que vou morrer sem ler tudo o que eu gostaria… cadê o emoticon da carinha chorando? 😭

Bem, vou finalizar este post indicando alguns filmes com fantasmas:

Os Outros (The Others). Ano: 2001. Com Nicole Kidman.

A Mulher de Preto (The Woman in Black). Ano: 2012. Com Daniel Radcliffe;

O Sexto Sentido (The Sixth Sense). Ano: 1999. Com Bruce Willis;

O Grito (The Grudge). Ano: 2004. Com Takako Fuji.